Alunos de Comunicação no lançamento do Caderno Globo

Postado em

Colaboração: Cesar F. Pinheiros e Mariana Mesquita (2o sem RP)

Os alunos de Comunicação Social tiveram oportunidade, na última sexta (28/09), de assistir e participar do lançamento da mais recente edição do Caderno Globo. Focado no uso da tecnologia e no jornalismo de dados, o evento contou com a participação de uma série de profissionais da área. O aluno Cesar F. Pinheiros, do segundo semestre de Relações Públicas, esteve presente e contribuiu para a cobertura dessa atividade.

Os alunos foram recepcionados sem distinção entre público e debatedores por um coquetel no lounge do auditório da OCA que promoveu a socialização e criou uma atmosfera transdisciplinar. Também foi possível contemplar a exposição comemorativa dos 40 anos do Prêmio Profissionais do Ano, que tem como principal objetivo homenagear os profissionais da área de publicidade e propaganda.

Às 10 horas, começou o Talks, apresentando como base de discussão o uso da tecnologia para a beneficência social, na esfera informativo-investigativa. O convidado Pedro Vilanova, um dos idealizadores da “Operação Serenata de Amor”, apresentou a ferramenta que analisa de forma maximizada os dados da Lei de Acesso à Informação (LAI). Passando para discussões no campo da robótica, a cientista carioca Ana Carolina Dahora abordou a ciência aplicada e suas imbricações e possibilidades de utilização eficaz na sociedade.

Concluindo, ocorreu o aguardado debate intitulado A vida entre dados, mediado pelo jornalista da Globonews Rafael Coimbra. Entre os debatedores estavam Lígia Zotini, fundadora do Voicers, e Eugênio Bucci, professor da ECA-USP e pesquisador do IEA-USP. Ambos abordaram aspectos críticos e pontos benéficos ligados à tecnologia, ressaltando que os caminhos trilhados têm levado à reflexão sobre o comportamento humano em face do consumo exacerbado.

Cintia Dal Bello

Cintia Dal Bello

Cíntia Dal Bello é doutora em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP, com especializações em Marketing e Comunicação (pela Cásper Líbero) e Cultura e Meios de Comunicação (pela PUC-SP). Como publicitária, acumula experiências em criação publicitária, planejamento de comunicação e marketing escolar. Sua pesquisa versa sobre cibercultura, subjetividade, identidade, tele-existência e imaginário tecnológico. Libriana, mãe de três filhos, amante da música, das artes e da vida.

No Comments

Deixe seu comentário...

* campos obrigatórios